16/06/2017

CRIANÇA DE 1 ANO MORRE APÓS FALTA DE COMBUSTÍVEL EM AMBULÂNCIA


Samu2332
Uma menina de 1 ano morreu por consequência da falta de combustível em veículos do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). O pedido de transferência hospitalar de Mafra (SC), para Joinville, foi feito na quinta-feira (8) às 8h, mas Heloísa só deixou sua cidade às 23h.

A criança estava internada para tratar uma pneumonia no hospital São Vicente de Paulo, em Mafra (SC). Como a unidade não conta com UTI pediátrica, a criança precisou ser transferida para um hospital infantil em Joinville. A transferência foi autorizada, mas tarde demais.
De acordo com uma reportagem ‘Bom Dia Brasil’, os veículos do Samu não tinham combustível. Os pais da menina, funcionários do hospital, a secretaria municipal de saúde e até a própria médica da criança ofereceram de pagar o combustível da ambulância, mas a empresa responsável pelo Samu (Serviço de atendimento móvel) não autorizou.
“Eles negaram para a gente, falaram que não pode, que nenhum terceiro pode abastecer as ambulâncias do Samu”, afirmou o pai.

* Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Estudantes do interior potiguar fazem cordel com tema 'O Brasil que eu quero'!

Com 25 estrofes, obra foi produzida por 30 alunos do município de Santo Antônio. "Quero um Brasil no futuro, onde possa h...