15/06/2017

JUSTIÇA DERRUBA LEI QUE RESERVAVA 50% DE CARGOS EM COMISSÃO A MULHERES


Conselho Especial do Tribunal de Justiça do DF e Territórios (TJDFT) julgou inconstitucional a Lei Distrital nº 5.679/2016, que previa a reserva de, pelo menos, 50% dos cargos comissionados do serviço público do DF a mulheres. De acordo com os desembargadores, a norma apresenta vício porque viola a própria natureza dos cargos, que são de “livre nomeação e exoneração”.
De autoria da deputada federal Telma Rufino (Pros), a lei prevê a reserva de vagas a mulheres nos órgãos da administração direta, indireta e fundacional dos poderes Executivo e Legislativo do Distrito Federal. A proposta foi aprovada pela CLDF, mas vetada pelo governador Rodrigo Rollemberg (PSB).


*XERIFE

Nenhum comentário:

TRÊS PESSOAS SÃO PRESAS POR COMPARTILHAR PELO WHATSAPP VÍDEO DE ABUSO SEXUAL CONTRA CRIANÇA NO CEARÁ

Nos celulares deles, os policiais encontraram as imagens ainda armazenadas na memória dos aparelhos. De acordo com o Estatuto da Cr...