10/10/2018

É MUITA GENTE: Mais de 400 mil potiguares não compareceram as urnas no primeiro turno



O Rio Grande do Norte elegeu o capitão Styvenson Valentim (Rede) e a Dra. Zenaide Maia (PHS) para o Senado Federal. Com 100% das urnas apuradas, Capitão Styvenson teve 25,63% dos votos válidos e Zenaide Maia, 22,69%.
Neste ano o eleitor escolheu dois candidatos ao Senado porque o mandato é de oito anos, mas as eleições ocorrem de quatro em quatro anos. Assim, a cada eleição, a Casa renova, alternadamente, um terço e dois terços de suas 81 cadeiras. Neste ano, 54 vagas estavam em disputa no país.
Styvenson Valentim despontava desde o início das eleições como favorito nas pesquisas. Ele era seguido por Zenaide Maia, que dividia a segunda colocação com Garibaldi Alves Filho (MDB) e Geraldo Melo (PSDB).
Eann Styvenson Valentim Mendes tem 41 anos e é capitão da Polícia Militar do Rio Grande do Norte desde 2003. No ano de 2009, entrou para o Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE). Entre os anos de 2012 e 2016, ele ficou conhecido pelo rigor na coordenação da Operação Lei Seca. Mais recentemente, o capitão Styvenson atuou na Zona Oeste de Natal, com a segurança escolar.
“Abri mão de tempo de TV e rádio, abri mão de verba partidária, escolhi não ter estrutura utilizada por políticos… tudo isso para mostrar que política se faz com pessoas que acreditam no trabalho e não no dinheiro. Vou representar a população norte-rio-grandense. eu não represento partido. devo tudo aos norte-rio-grandenses. essas pessoas que acreditam em mim podem esperar: será devolvido toda a representatividade com trabalho. [minhas prioridades serão] educação, segurança pública, honestidade, caráter, limpeza e moralidade. Quero devolver às pessoas a dignidade que elas perderam”, disse o capitão Styvenson.
Zenaide Maia Calado Pereira dos Santos tem 64 anos e é deputada federal do Rio Grande do Norte. Ela é médica formada pela Universidade Federal do RN e deu início a vida pública como secretária de saúde de São Gonçalo do Amarante, onde atuou durante dois mandatos. Na Câmara Federal participou das comissões da Mulher, das Pessoas com Deficiência, da Seguridade Social e Família, dentre outras. é a primeira vez que tenta vaga no Senado Federal.
Embora tenham sido registradas 31 ocorrências ao longo do processo eleitoral no território potiguar, o presidente do TRE-RN, Desembargador Glauber Rêgo, avaliou o pleito como tranquilo e dentro da normalidade, considerando que as ocorrências apontadas foram, em maioria, infrações de menor grau. Ao longo do dia, ocorreu o julgamento de apenas um processo, o qual envolvia a 12ª zona eleitoral. “O pleito ocorreu dentro da normalidade e o esforço de todos foi fator determinante para o sucesso das eleições no estado”, afirmou o presidente do TRE-RN. 


* De Fato

Nenhum comentário:

Brasileiros podem ver chuva de meteoros na madrugada deste domingo

Por  Robson Pires , em Notas O cometa Halley, ou Halley 1P, na designação científica, é um dos poucos corpos celestes que podem...