02/04/2020

PRODUTORAS DE POLPA DE FRUTA DE JANDUÍS (RN) COMEMORAM ACESSO A NOVOS MERCADOS


A polpa de fruta Sabores da Forquilha acaba de completar um ano depois de se mudar para a nova sede e adquirir o tão sonhado selo do Ministério da Agricultura. O grupo de dez mulheres da zona rural de Janduís, distante 290 km de Natal (RN), produz em torno de dois mil quilos de polpa por mês e está acessando mercados nunca antes imaginados.
A matéria-prima sai do quintal de cada uma dos membros da Associação Comunitária de Poço da Forquilha. São frutas como acerola, goiaba, caju, tamarindo e cajarana, que são transformadas em polpas e vendidas para cooperativas como a Cooperuba, em Caraúbas, Prefeituras de Janduís e Caraúbas, escolas da rede estadual e programas governamentais como PAA da Conab e Compra Direta. Devido à pandemia do novo coronavírus, a produção precisou dar uma pausa.
“Tem mês que conseguimos fornecer até mais de dois mil quilos de polpa. Estamos muito satisfeitos porque nossa agroindústria é um sonho realizado e uma grande conquista para nossa associação”, destaca a presidente do grupo, Silvana Hipólito. A pequena fábrica trabalha hoje com capacidade para produzir até cinco mil quilos do derivado da fruta.



 *Robson Pires


Nenhum comentário:

O RN É UM DOS ESTADOS QUE MENOS PROCESSO EXAMES DE COVID-19:50%

O  Brasil  conseguiu processar até quinta-feira (21)  72%  dos exames para  Covid-19.  O estado que menos consegue processar exames é A...