23/11/2016

LAUDO DIZ QUE MENINA FOI ENTERRADA VIVA EM CARMO DA MATA, CENTRO-OESTE DE MG


Whatsapp/Divulgação
A menina Ana Clara Pereira Gonçalves, de 5 anos, foi enterrada viva por seu padrasto, na cidade de Carmo da Mata, Centro-Oeste de Minas. A Polícia Civil informou nesta segunda-feira que o laudo de necrópsia da criança apontou como causa da morte asfixia mecânica e obstrução de vias arteriais. Também foi encontrada no pulmão da menina uma porção de terra, o que aponta que ela respirava quando foi enterrada.
O laudo não apontou nenhuma lesão interna ou externa, que pudessem causar a morte ou mesmo ter deixado a menina inconsciente. As investigações continuam no intuito de identificar a circunstância, motivação e dinâmica do crime.
O delegado Douglas Camarano de Castro, que comanda as apurações do caso, informou que está na fase final de conclusão do inquérito e que vai pedir que a prisão temporária do padrasto seja convertida em preventiva, pelo homicídio qualificado. 

Fonte: Márcio Melo via EM.com.br

Nenhum comentário:

NOVA FUNÇÃO DO WHATSAPP DEVE REDUZIR MENSAGENS INÚTEIS EM GRUPO

Uma  nova funcionalidade  testada pelo  WhatsApp  quer permitir que uma mensagem postada no grupo seja respondida de  modo privad o. D...