24/04/2018

Base do governo rompe acordo sobre reforma trabalhista

A base do governo não honrou acordo para votar a medida provisória que regulamentaria pontos da reforma trabalhista aprovada em novembro. Há um jogo de empurra entre o Palácio do Planalto e o Congresso. A validade da MP venceu hoje.Na prática, houve ruptura de um acordo feito no ano passado entre o governo e senadores a fim de aprovar a reforma trabalhista. Aprovada a reforma, foi editada a medida provisória, mas o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, diz que o problema não é dele. O governo está sem força para cobrar sua base.

Nenhum comentário:

Fátima Lula diz que vai ‘escancarar as portas’

“Estarei com as portas escancaradas para os empresários e para a FIERN”. A garantia foi dada pela senadora  Fátima Bezerra,  candidata ...