11/08/2017

GOLPISMO AVANÇA


IMG_9601O “Distritão” foi aprovado como uma regra de transição. Valeria para as eleições de 2018 (deputados federais e estaduais) e de 2020 (vereadores). A partir de 2022, entraria em cena o sistema distrital misto.
Essa regra de transição foi adotada porque o “Distritão” é uma cabeça de ponte para acabar com o presidencialismo e mudar o sistema de governo para parlamentarista ou semipresidencialista.
Num primeiro momento, o “Distritão” serve como a boia de salvação para grandes partidos, como PMDB e PSDB, por exemplo. Ancorada no Fundo de Financiamento da Democracia, caciques desses partidos manteriam seus mandatos na Câmara, assegurando a sobrevivência política e o foro privilegiado para enfrentar as acusações da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal).


*XERIFE

Nenhum comentário:

DUAS HORAS ANTES DO CASAMENTO, JOVEM MORRE EM ACIDENTE DE TRÂNSITO NA REGIÃO OESTE POTIGUAR

Um jovem de 21 anos morreu em um acidente de trânsito na tarde deste sábado (21) na cidade de Baraúna, na região Oeste potiguar, duas ho...