01/03/2022

SANÇÕES PODEM LEVAR RÚSSIA A DAR CALOTE, DIZ INSTITUTO INTERNACIONAL DE FINANÇAS


As sanções financeiras impostas pelos Estados Unidos e países aliados à Rússia podem levar o país a dar um calote em sua dívida externa. A avaliação é do Instituto de Finanças Internacionais (IIF), uma associação que reúne os maiores bancos do mundo. Em uma nota publicada nesta segunda-feira, o IIF diz ainda que o PIB russo deve sucumbir ao impacto das punições internacionais.

Para os analistas do órgão, a decisão de banir grandes bancos russos do sistema Swift foi considerada uma das mais sérias impostas a um país na história recente. Enquanto ainda debatiam o alcance e a eficácia desta medida, o anúncio de ações restritivas ao Banco Central da Rússia e a sinalização de que a força das sanções pode aumentar, levaram o IIF a prever fortes impactos na economia russa.

“O compromisso dos membros da comunidade internacional é claro. Compreender o impacto dessas ações, no entanto, é fundamental. A conclusão é que essas sanções terão um impacto significativo na economia geral da Rússia, e os russos médios já estão sentindo o custo. As sanções visam o sistema financeiro doméstico da Rússia, causando corridas bancárias e forçando o banco central da Rússia a continuar aumentando as taxas de juros”, diz o comunicado.

Na tentativa de controlar os estragos causados pela corrida bancária e pelo banimento do sistema financeiro internacional, os analistas do IIF acreditam que o BC russo deverá adotar rígidos controles de capital e até decretar feriado bancário se a demanda por moeda aumentar acentuadamente.

“Como resultado, prevemos um crescimento negativo em uma economia que já foi prejudicada pelo crescente isolacionismo”, diz o documento.

O IIF reiterou ainda que vai examinar as sanções adicionais que podem ser adotadas em várias áreas que considera essenciais e que poderiam afetar o sistema financeiro internacional. A funcionalidade do sistema global de pagamentos, o acesso à moeda americana, as exportações de hidrocarbonetos e os controles de exportação estão entre as maiores preocupações da associação dos bancos.

“Um dos maiores impactos na economia global provavelmente será no comércio. Embora os detalhes sobre como as novas sanções afetam a energia ainda estejam surgindo, sabemos que as sanções ao seu banco central tornarão mais difícil para a Rússia exportar energia e outras commodities. Como resultado, podemos ver os preços das commodities subirem”, alerta o relatório da IIF.

CNN

Nenhum comentário:

ALCYMAR MONTEIRO SE ENVOLVE EM POLÊMICA E FAZ VÍDEO COM DESCULPAS

O cantor Alcymar Monteiro é reconhecido como um dos principais nomes do forró tradicional. Cearense, ele fez muito sucesso por todo o Nordes...