04/02/2017

SÍRIO DEMITE MÉDICA QUE COMPARTILHOU EXAME DE DONA MARISA


 wat

Hospital Sírio-Libanês demitiu a médica reumatologista Gabriela Munhoz, de 31 anos. Ela foi a responsável por compartilhar dados sigilosos sobre o estado de saúde da ex-primeira dama Marisa Letícia em um grupo de Whatsapp. Segundo reportagem do jornal “O Globo”, Gabriela enviou mensagens no grupo “MED IX”, formado por colegas da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, onde se formou.
A conversa se espalhou depois por outros grupos de Whatsapp e outros médicos fizeram comentários ofensivos à ex-primeira-dama. Por meio de nota, o Sírio confirmou que a demissão ocorreu em razão do compartilhamento de informações, mas não diz quando isso aconteceu. Informa ainda “ter uma política rígida relacionada a privacidade de pacientes” e repudiou a quebra do sigilo por profissionais de saúde.

Nenhum comentário:

PROGRAMA QUE LEVOU CISTERNAS AO SEMIÁRIDO RECEBE PRÊMIO INTERNACIONAL

O programa Cisternas, financiado desde 2003 pelo governo federal, ganhou o segundo lugar no Prêmio Internacional de Política para o F...